quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Análise dos documentos da Clínica MCE-Life

É, o semestre está terminando... e nessa fase final, seguem abaixo as análises dos documentos do caso "Theodore":



Contrato



Contexto: Foi criado como prova de que o contratante está solicitando os serviços da clínica e como precaução de eventuais danos.
Espécie: Contrato.
Definição: Contrato de clonagem, onde está estabelecido o tipo de clonagem que se quer realizar, qual o preço do serviço, entre outras cláusulas.
Função: Informar tipo de clonagem, preço do serviço, entre outras coisas. Provar que o contratante solicitou os serviços da clínica.
Função Arquivística: Provar que o contratante solicitou os serviços da clínica.
Tipologia: Contrato de prova
Fundo: Clínica MCE-Life

Características externas:
Gênero: Textual
Suporte: Papel
Formato: Folhas A4
Forma: Original

Características internas:
Produtor: Clínica Life
Conteúdo: Pessoas envolvidas: Contratante e contratado. Assunto: Documento com detalhes do serviço e o que cabe ao contratante e ao contratado fazer.
Trâmite: O documento é criado pela própria clínica, é assinado por ambas as partes (contratante e contratado), uma via é entregue ao contratante e outra fica com o contratado.


Ficha do paciente



Contexto: Foi criado para o acompanhamento da clonagem, informando dados importantes do paciente
Espécie: Ficha
Definição: Ficha com dados do paciente clonado
Função: Informar quem é o paciente, onde a célula trabalhada foi retirada (óvulo, cordão umbilical), qual é o tipo de clonagem, como está o andamento, se funcionou, se é preciso repetir o processo.
Função Arquivística: Informar dados sobre o paciente para o acompanhamento da clonagem deste.
Tipologia: Ficha de dados do paciente
Fundo: Clínica MCE-Life

Características externas:
Gênero: Textual
Suporte: Papel
Formato: Folhas A4
Forma: Original

Características internas:
Produtor: Clínica Life
Conteúdo: Pessoas envolvidas: O paciente. Assunto: quem é o paciente, onde a célula trabalhada foi retirada (óvulo, cordão umbilical), qual é o tipo de clonagem, como está o andamento, se funcionou, se é preciso repetir o processo.
Trâmite: O documento é criado pela própria clínica, é preenchido pelo médico e permanece com ele até acabar o tratamento. Quando a clonagem é finalizada o documento é arquivado.



Laudo sanguíneo



Contexto: Amostras de sangue coletadas de todos os pacientes que se submeterão aos procedimentos de clonagem.
Espécie: Laudo sanguíneo
Definição: Resultado das pequenas amostras de sangue.
Função: Informar o tipo de sangue e as possíveis doenças do doador.
Função Arquivística: Provar que não existe nenhuma doença do portador.
Tipologia: Laudo sanguíneo para comprovação
Fundo: Clínica MCE-Life


Características externas:
Gênero: textual
Suporte: papel
Formato: A4
Forma: original

Características internas:
Produtor: Laboratório da Clínica
Conteúdo: quantidade de leucócitos, hemácias e plaquetas.
Pessoas envolvidas: Doador da amostra de sangue e o laboratório.
Assunto: Análise da saúde do doador da amostra de sangue.
Trâmite: coleta da amostra de sangue – transferência para um tubo de ensaio de vidro – enviar a um laboratório – laudo sanguíneo.



Cordão umbilical



Contexto: Luciana após a clonagem do seu filho Theodore, deixou o cordão umbilical da criança sob guarda da Clinica MCE-Life. Isso porque a clínica é responsável por congelar os cordões umbilicais das crianças clones, caso o contratante seja a favor, ou de outras crianças, cujo os pais solicitam a guarda, com o objetivo de manter o material genético ativo ( presente nas células) para possíveis pesquisas (clonagem terapêutica), curas de doenças e até mesmo realizar outras clonagens induzidas artificialmente.
Espécie: Cordão umbilical
Definição: Longo cordão constituído por duas artérias, uma veia, além de um material gelatinoso.
Função: Nutrir o embrião.
Função Arquivística: Registrar o material genético ativo.
Tipologia: Cordão umbilical de registro do material genético.
Fundo: Clínica MCE-Life

Características externas:
Gênero: Tridimensional
Suporte: Tecido epitelial
Formato: Cilindro
Forma: Original

Características internas:
Produtor: Saco amniótico e vesícula vitelínica
Conteúdo: Presença de células tronco mesenquimais, isto é, que podem se transformar em outras células do corpo; veias de trocas gasosas.
Trâmite: Placenta e embrião - Barriga da criança – Recolhimento para congelamento.



Ecografia gestacional



Contexto: Exame realizado na experiência de clonagem humana para acompanhar o processo de formação do clone dentro da barriga de sua genitora
Espécie: Ecografia
Definição: Exames médicos feito com uso de aparelhos especiais que, por meio de ondas ultrassonográficas conseguem captar imagens dentro do corpo humano, tiram “fotos” destas imagens e estas são impressas em papel especial para fotografia.
Função: Verificar o desenvolvimento do feto
Função Arquivística: Comprovar como se deu o desenvolvimento do feto
Tipologia: Ecografia gestacional
Fundo: Clínica MCE-Life


Características externas:

Gênero: Imagético
Suporte: Papel especial para fotografia
Formato: Caderno
Forma: Original

Características internas:
Produtor: Clínica MCE - Life
Conteúdo: Ecografia gestacional da paciente Luciana solicitada pelo Dr. Cloneldon
Trâmite: O médico faz a solicitação, a secretária faz o encaminhamento, a paciente vai ao obstetra responsável por fazer a ecografia, a ecografia é feita e é entregue à paciente. A paciente entrega a ecografia para o médico responsável que a utiliza até o dia do parto e depois ela é arquivada, sua guarda será permanente por se tratar do primeiro processo de clonagem humana da clínica



Impressão digital molecular



Contexto: Com o nascimento do clone, o médico faz a análise do DNA do clone e do ser clonado por meio do fingerprint do DNA
Espécie: Impressão digital
Definição: é a quebra do DNA em enzimas específicas, unidas a sondas e expostas em chapas fotográficas. Serve como forma de identificar indivíduos por meio do exame de DNA
Função: Identificar as sequências específicas do DNA humano
Função Arquivística: Identificar a “vítima” de clonagem ( provar a semelhança do DNA, isto é a realização da clonagem)
Tipologia: Impressão digital molecular
Fundo: Clínica MCE-Life


Características externas:
Gênero: Iconografico
Suporte: chapa fotográfica
Formato: retangular, tipo códigos de barra
Forma: original


Características internas:
Produtor: clone, clonado
Conteúdo: moléculas de açúcar e fosfato. Ligada à molécula de açúcar está uma de quatro bases nitrogenadas e é a seqüência dessas bases ao longo da molécula de ADN que carrega a informação genética
Trâmite: Após o nascimento do bebê o médico fará a análise do DNA da criança nascida em comparação com o DNA do doador a partir da impressão digital molecular ou fingerprint do DNA , comprovando a clonagem, isto é que o material genético é idêntico.


Então é isso...o que acharam??

Abraçoss

Nenhum comentário:

Postar um comentário